Taumatina: novo adoçante natural

Essa semana descobri por acaso um novo adoçante chamado Taumatina. Fiquei curiosa e fui pesquisar.  A Taumatina é um adoçante natural que vem da fruta, bem parecido com a Stevia. A substância é extraída de uma fruta chamada Katemfe, original do Sudão, na África. Ela foi descoberta em 1855 pelo cientista W.F. Daniell, que a descreveu como um poderoso adoçante e realçador de sabor e aroma em alimentos e bebidas locais. No entanto, a substância só começou a ser utilizada pelas indústrias na década passada.

thaumaINA

No Brasil, ela foi aprovada como um edulcorante não-calórico em 2008, pela ANVISA e segundo a Associação Brasileira da Indústria de Alimentos Dietéticos não há evidência científica que demonstre que ela seja calórica. Regulamentada por autoridades regulatórias em países como todo o mundo como uma substância segura e natural, em diversos estudos científicos e toxicológicos. Logo, pode ser consumida por pessoas com diabetes, gestantes, crianças, entre outros.

Mas por quê só agora tem se falado na Taumatina? Segundo pesquisas, o uso dos adoçantes tem crescido nos últimos anos seguindo uma tendência natural de procura por alimentos mais saudáveis e naturais. Além disso, a Taumatina pode ser usada em todos os alimentos como bebidas, suplementos e também na cerveja sem álcool, pois reduz os sabores ácidos e realça o dulçor, os sabores frutal e da levedura.

Stevia X Taumatina 

As duas são muito parecidas já que são extraídas de alimentos naturais: a Stevia de uma planta e a Taumatina de uma fruta. No entanto, em relação à potência de adoçar há uma diferença. A Taumatina é cerca de 1.300 a 1.500 vezes mais doce que a sacarose. Já a Stevia é 300 vezes mais doce que a sacarose.

SweetLift-40g-50-envelopes-de-08g-Essential-Nutrition
Foto: Site Essential Nutrition

Pensando nisso, algumas marcas já lançaram seus produtos à base de Taumatina. A Essential Nutrition lançou o adoçante SweetLift, que é feito à base de Stevia e Taumatina. Sem calorias, não eleva a glicemia e promete não deixar sabor residual. O produto é isento de sacarina, ciclamato, aspartame, sucralose, glúten, lactose e conservantes, corantes e aromatizantes artificiais.  Além disso, não causa desconforto abdominal e não possui efeito laxativo.  Segundo a empresa, o produto também pode ser utilizado para cozinhar.  Preço R$ 21,50 ( o pacote vai com 50 sachês).

a660b03739db56be41b53cc8a8b5c84d (1)
Foto: Site Airon
Outra opção é o adoçante Fineswett da marca Airon, que usa Sucralose e Taumatina. O produto não leva sódio e promete também não deixar qualquer sabor residual. O frasco com 75ml custa R$7,34.

Já a empresa Flormel mudou a fórmula dos seus doces e, agora, todos são adoçados com a Taumatina. Chocolates, cocadas, geleias, entre outros, a marca possui uma infinidade de produtos. As novas versões contêm mais frutas e edulcorantes 100%naturais.

Foto: Facebook Flormel
Foto: Facebook Flormel

 

*Com informações da Revista Nutri Online.

 

Continuar lendo

Provei brigadeiro diet ;)

As formiguinhas de plantão vão concordar comigo: brigadeiro é bom demais, né? Desde que fiquei diabética ainda não tinha comido um brigadeiro na versão dietética. Não que fosse tão difícil de fazer, mas o chocolate diet em barra eu não encontrava, e muito menos alguma loja que fizesse o tal docinho. Durante a minha viagem à São Paulo,  eu conheci uma lojinha super charmosa, a Brigadeira – Emotional Food, no Shopping Bourbon.

13320903_10209289818227430_3268289215552125111_o

No primeiro dia, morri de vontade de comprar os docinhos, mas me segurei pra manter a glicemia em ordem. Na segunda vez, não aguentei e entrei. Perguntei como quem não quer nada: Tem brigadeiro diet?  Já mandei aquele risinho sem graça, achando que ia receber um belo ‘não’. Mais uma vez, quebrei a cara.  A vendedora respondeu de prontidão: Temos sim! Duas versões: ao leite e meio margo. Você quer? Pergunta se macaco quer banana! Claroooo!

13305260_10209289818467436_1404560206172770058_o

Provei somente a versão ao leite e posso garantir: Q-U-E   D-E-L-Í-C-IA!!!

Não é só leite condensado com achocolatado. É chocolate mesmo. É trufado. E o sabor? Muito bom! Como sempre falo, não parece nem diet! hehe Custou R$ 5,00.

13320363_10209289818547438_5666134544694261891_o

Além do sabor, a lojinha é um charme só! Tudo muito bem decorado, cada detalhe foi pensado com extremo cuidado e zelo. Eles têm vários sabores de brigadeiro. Você pode montar um kit para presentear, também. As embalagens são super fofas e tem até caixinhas de madeira que são embalagem e presente ao mesmo tempo. A Brigaderia está presente em vários pontos da Grande São Paulo. Só entrar no site pra saber mais 😉  http://brigaderialtda.blogspot.com.br/

 

Continuar lendo

O melhor bolo de chocolate do mundo!

Estava passeando pelo Shopping Bourbon, em São Paulo, quando passei perto de um quiosque e vi tortas maravilhosas de chocolate. Pensei: duvido, que vai ter uma opção diet. Nunca tem, não é mesmo? E quando tem o sabor não é muito bom… Doce engano. Quando me aproximei da vitrine, tcharam: uma versão zero açúcar me esperava! 😀  Mal contive a minha animação e pedi um pedaço!

2016-05-20 20.05.31

O nome pode parecer pretensioso – O melhor bolo de chocolate do mundo – mas ao colocar o primeiro pedaço do doce na boca tive que concordar. É o melhor bolo diet de chocolate que já comi na vida!!! Não parece nem um pouco com os doces diets.

2016-05-20 20.04.47 (1)

O sabor é incrível! Indescritível! Só provando pra sentir. O bolo parece ao mesmo tempo uma torta e um pavê. É um doce fino, e dá para notar que os ingredientes são, realmente, de boa qualidade. Nem de perto, tem gosto de adoçante, gordura ou achocolatado. É chocolate mesmo, gostoso e desmancha na boca!  É feito com 53% de cacau e tem em torno de 30g de carboidratos.

2016-05-20 20.07.03

Eu experimentei essa delícia em São Paulo, mas depois procurei e achei três quiosques da loja aqui, no Rio de Janeiro. Um fica no Shopping Tijuca, outro no Shopping da Gávea e um no Aeroporto do Galeão.  O preço é um pouco salgado, R$ 13,90, mas em relação ao pedaço tradicional, que custa R$ 11,00, até que o valor não foi tão alto.  Vale a pena experimentar! É uma delícia 😉

Para saber mais: http://www.omelhorbolodechocolatedomundo.com/

 

Continuar lendo

Chocolates diet – Parte 2

Dando continuidade ao especial de chocolates e docinhos diet, hoje venho falar sobre três marcas que eu gosto muito e que são bem baratinhas: a Diatt, a Nestlé e a Gold. Eu comprei na Casa do Biscoito, mas é fácil de encontrar em várias lojas de doces ou de produtos naturais.

13224125_10209193496939458_266467168_o

O primeiro é uma delícia. É chocolate ao leite crocante, com pedaços de amendoim. Apesar do sabor ser muito parecido com o chocolate comum, a quantidade de carboidratos é bem alta, 15g. Já a de gorduras totais é a mesma dos outros diets, 8,7g Preço R$ 2,99 . Nota: 8

13230856_10209193496899457_1354879675_o

Já o Nestlé Classic é meu preferido. O sabor é igual ao chocolate tradicional da marca. Não consigo ver diferença de sabor ou textura. E é irresistível comer só uma barrinha! Só cuidado: não pode comer muito porque tem efeito laxativo 😉 Tem 13g de carboidratos e 8,9g de gorduras totais. Preço R$ 2,99. Nota: 10! <3

DSC00728

Por último, o Gold, que vende em qualquer farmácia. Ele é adoçado com sucralose e tem vários sabores. Meu preferido é esse com castanha de caju. Praticamente, possui a mesma quantidade de gorduras e carboidratos que os outros. Não é o melhor chocolate diet do mundo, na minha opinião, mas pelo preço mais sabor, vale a pena 😉 Preço R$ 1,00. Nota: 7

Se você tem alguma sugestão, só deixar um comentário aqui abaixo :*

 

Continuar lendo

Chocolates diet – Parte 1

Quando recebi o diagnóstico de diabetes, na hora pensei: Ih, nunca mais vou poder comer chocolate. E os diets são horríveis… Quem provou os chocolates diet da década passada, deve se lembrar de que o gosto não era muito bom. Alguns, tinham um sabor marcante do adoçante e outros, da gordura hidrogenada.

13198535_10209178579526532_1107451212069462313_o

Depois que a glicemia deu uma controlada, eu fui experimentar os doces e chocolates diet, para ver se eles ainda tinham aquele gosto ruim. Para minha surpresa e felicidade, descobri que os chocolates diet melhoraram, e muito!

Pensando nisso, lancei esse especial sobre os chocolates diet que venho experimentando pelo mundo afora desde o meu diagnóstico. Aqui, nessa primeira parte selecionei três delícias: um tablete da Cacau Brasil e um tablete e um bombom da Cacau Show. Vamos lá 🙂

13235495_10209178580166548_6380587481782720959_o

O primeiro se tornou o meu queridinho. O gosto é muito parecido com o tradicional chocolate ao leite que conhecemos. Além disso, tem pouco carboidrato (9,6g) e a quantidade de gorduras totais é a mesma em relação aos chocolates tradicionais ( 8g ). É adoçado com sucralose e acessulfame de potássio. Preço R$ 2,50 -3,00. Nota: 10 🙂

13217195_10209178580526557_5481524073463022978_o

O segundo tablete é da Cacau Show. E o gosto é bem parecido com o tablete da Brasil Cacau. A quantidade de gorduras e carboidratos é praticamente igual. Preço R$ 2,50. Gostoso e barato. Nota: 9.

13220757_10209178579486531_4079039835777999621_o

E, por último, experimentei o bombom diet com colágeno, que é uma novidade da Cacau Show. O sabor é bom, mas não tem o mesmo impacto do chocolate ao leite diet. Para quem não gosta muito de chocolate adocicado, vai gostar dessa opção. Preço R$ 2,00 . Nota: 7

Lembrando que esse post é apenas a minha opinião de consumidora. Na próxima semana, vou postar mais três opções de chocolates diets e minhas impressões 🙂

 

 

Continuar lendo

Esteatose hepática

#dicadanutri por Patrícia Pimenta 12923365_1540815436212286_5202115738369664380_n
No assunto de hoje vou esclarecer um pouco sobre o acúmulo de gordura no fígado, chamado de esteatose hepática. Você já ouviu falar? A esteatose hepática é uma síndrome metabólica que, ultimamente, vem crescendo e sendo cada vez mais comum, principalmente em indivíduos obesos.
Continuar lendo