Curso de Contagem de Carboidratos com o Dr. Accu-Chek

Pessoal, olha que bacana! Mês passado, a Accu-Chek lançou um curso super legal sobre a contagem de carboidratos. Eu não cheguei a fazer essa forma de controle no meu tratamento do diabetes e, por isso, achava que era um bicho de sete cabeças! hahaha

Mas através desse curso ficou muito mais fácil entender e posso dizer sem medo: é uma excelente ferramenta para o controle glicêmico.

74016d_4de44e594941488a8c8178ff4a09baab-mv2

O curso é bem fácil, tem um pdf e um vídeo muito legal. Você vai aprender de forma lúdica, sem dificuldade 😉

Só clicar neste link e aproveitar! 😉 Ah! É totalmente gratuito <3

 

 

Continue Reading

Leite de inhame: fácil, rápido de fazer e não tem gosto de inhame!

Durante muito tempo, resisti a ideia de fazer o leite de inhame. Achava que o sabor era horrível, rançoso. Mas depois que a minha nutri insistiu e disse que não tinha gosto de nada, nem de inhame, rs, eu resolvi testar e já é de longe o meu leite vegetal preferido! Realmente, o leite é consistente e sem sabor. O que é ótimo, porque podemos dar a ele o sabor que quisermos. Eu já usei o leite de inhame para molho bechamel e ficou ótimo. Também uso para tomar com café com leite. Só salpicar um pouco de canela que fica uma delícia! Espero que gostem 😉

20161025_180614

Ingredientes:

  • 1 inhame pequeno
  • 150ml de água morna para fazer o leite
  • 1 litro de água fervente para escaldar o inhame

Modo de preparo: Descasque o inhame, corte-o em pedaços e leve à panela para escaldá-lo em água fervente, por mais ou menos três minutos. Despreze essa água. No liquidificador, bata o inhame pequeno com mais ou menos 150ml de água mora filtrada. O leite está pronto! Dependendo do inhame que você usar, pode ser que você precise colocar um pouco mais de água, senão vai ficar muito consistente, tipo mingau.

Em geladeira, essa bebida vegetal dura de 24 a 36 horas, mas é possível congelar aumentando a duração para 15 dias.

Obs: 100g de inhame tem em média 28g de carboidratos. 😉

Continue Reading

Lasanha de berinjela: passo a passo ;)

Pessoal, confesso que antigamente detestava legumes. Só comia porque minha mãe me obrigava, mesmo. Uma das alternativas que minha mãe encontrou para que eu comesse berinjela, foi a lasanha de berinjela 😀 Depois do diagnóstico de diabetes, tudo mudou e hoje passei a gostar de vários legumes. Mas a lasanha de berinjela é um dos meus pratos preferidos. É muito gostoso, mesmo. Além de ser mais saudável que a lasanha tradicional. Espero que gostem 😉

20161023_203359

Ingredientes:

  • 1kg de peito de frango
  • 3 berinjelas médias (vai depender do seu refratário. Esse na foto é de quatro litros)
  • Molho de tomate
  • 1 lata de ervilha
  • 300g de queijo muçarela
  • 100gr de queijo parmesão
  • 300 ml de leite (usei leite de inhame, mas pode ser qualquer leite)
  • +-4 colheres de sopa de farinha de aveia (ou farinha de trigo comum ou integral)
  • 2 colheres de sopa de margarina light
  • 2 Cebolas médias
  • 3 dentes de Alho
  • Pimenta do Reino
  • Cominho
  • Curry
  • Colorífico
  • Sal à gosto
  • 1 folha de louro
  • Noz-moscada à gosto

Preparação do recheio de frango: Você pode fazer o recheio do jeito que preferir, tanto com frango, quanto carne moída. Eu levei os filés de peito numa panela com água, o suficiente para cobrir todos os filés, e deixei cozinhar com 1/2 cebola média, 2 dentes de alho, 1 folha de louro, curry, cominho, colorífico, pimenta do reino e sal. Depois que cozinharam, peguei a água do frango e a coloquei em outra panela. Reservei o frango em um pote.

20161023_175834

Enquanto esperava o frango esfriar, eu comecei a preparar as berinjelas. Retirei a casca, e cortei em tiras finas.  Em seguida, coloquei água do cozimento do frango para ferver.  Coloquei as tiras de berinjela na água e deixei cozinhar até que elas mudassem de cor. O ponto é quando elas começam a escurecer, mas não deixe que elas fiquem muito moles.

20161023_182022

Feito isso, após escorrer as berinjelas e apoiá-las em uma forma, eu parti pra desfiar o frango e fazer o molho. Eu usei um molho de tomate pronto, porque estava com pressa, mas fica bem mais gostoso se você fizer o molho caseiro 😉 A maioria dos molhos de tomate prontos contêm açúcar na sua composição. Eu também fiquei surpresa quando descobri isso. Mas para nossa felicidade, tem uma marca que pensou em nós, docinhos, rs. O molho é concentrado, sem gosto ruim e bem mais próximo ao natural do que os outros. E o mais legal: além de ser sem açúcar, é sem gordura! 😉

20161023_191425

Fiz o molho de tomate bem simples mesmo: refoguei cebola picadinha, com alho, coloquei o molho com um pouco de água, sal, cominho, pimenta do reino, curry,  salsinha e cebolinha picadas. Depois, acrescentei o frango e deixei ferver um pouquinho para absorver o sabor.  Por último, acrescentei uma lata de ervilha. Apaguei o fogo e reservei.

Por último, fiz o molho bechamel. Eu fiz uma adaptação do molho tradicional, que leva farinha de trigo e leite de vaca. Como estou evitando lactose e glúten, usei farinha de aveia no lugar da farinha de trigo, e leite de inhame, no lugar do leite de vaca. Mas você pode fazer a receita tradicional que fica uma delícia, também 😉

Coloquei pra derreter duas colheres de margarina na frigideira grande, e depois acrescentei 1/2 cebola média picada. Depois de dourada, coloquei as 4 colheres de sopa de farinha de aveia, e mexi bem, até virar um grude. Aos poucos, em fogo baixo, fui acrescentando o leite de inhame, até dar o ponto de um mingau: nem muito mole, nem muito consistente. Salpiquei sal e um pouco de noz moscada e apaguei o fogo. Agora, vamos para a montagem !

20161023_193143

Untei com manteiga o refratário e comecei a montagem com uma camada do recheio de frango. Em seguida, acrescentei uma camada de berinjela. Depois, coloquei o queijo muçarela, só na metade do refratário, porque a outra sem queijo é para mim, e a com queijo para o namorado ;).
20161023_193457

Em seguida, coloquei mais uma camada de berinjela, depois outra do recheio de frango e finalizei com o molho bechamel. Metade do refratário, coloquei queijo parmesão, e na outra coloquei uma torradinha integral quebrada, só pra não ficar pálida a lasanha, rs.

Levei ao forno médio por mais ou menos uns 30 minutos, mas isso varia para mais ou para menos, dependendo do fogão. Para saber se está pronto, só colocar uma colher e tentar participar a lasanha. Se a berinjela se desmanchar com a colher, está pronto. Se ela ainda estiver rígida, leve ao forno por mais um tempinho.

Fica uma delícia! Com certeza, todos vão gostar. O sabor da berinjela fica muito leve, você nem percebe.

Espero que gostem!

Um beijo

 

Continue Reading

Metade dos diabéticos morre devido a infarto ou AVC, mas apenas 3% temem essa complicação

Campanha da Sociedade Brasileira de Diabetes alerta sobre as consequências potencialmente fatais do diabetes

De acordo com a International Diabetes Federation (IDF), 50% dos óbitos em pacientes diabéticos se devem a problemas cardiovasculares, como infarto e AVC. No entanto, somente 3% desses indivíduos temem as consequências cardíacas da doença, segundo uma pesquisa recente da Sociedade Brasileira de Diabetes, em parceria com o Ibope Inteligência

– Só no Distrito Federal, a incidência de diabetes é de 2.475,81 casos a cada 100 mil. Ou seja, 18.003 pessoas com mais de 15 anos têm a doença, segundo o Data SUS.

  -Para conscientizar a população sobre o problema, a SBD lançou a campanha Diabetes sem Complicações, veiculada nas redes sociais da instituição.

-Um vídeo informativo com o casal de artistas Flávia Alessandra e Otaviano Costa – os embaixadores da campanha — traz informações sobre os cuidados necessários para evitar o impacto nocivo do diabetes sobre os rins e o coração.

 -Até 40% dos indivíduos com diabetes desenvolvem problemas nos rins, segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD). Além disso, esses pacientes apresentam um risco de duas a quatro vezes maior de morrer devido a uma doença cardiovascular, como infarto e AVC.¹

-Metade dos pacientes, aproximadamente, não está ciente dessas potenciais consequências, cujo surgimento poderia ser prevenido ou, pelo menos, adiado com um controle adequado do diabetes, segundo revelou a pesquisa Diabetes sem Complicações, que acaba de ser realizada pela SBD, em parceria com o Ibope e com o apoio das farmacêuticas Boehringer Ingelheim e Eli Lilly.

Sobre a pesquisa

O levantamento teve a participação de 600 internautas, sendo 145 pacientes com diabetes, de cidades como São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Salvador (BA), Belo Horizonte (MG) e Fortaleza (CE).

Os resultados demonstraram que as alterações cardiovasculares e renais, embora sejam potencialmente fatais, não estão entre as principais preocupações:

– Menos da metade dos entrevistados (42%) citou as doenças cardíacas como as consequências mais relevantes— e, mesmo entre os diabéticos, elas só foram mencionadas por 56%.³

– O comprometimento dos rins também não está entre os temores mais frequentes. Ele foi destacado por, somente, 55% dos participantes e 72% dos diabéticos, especificamente.³

– Quando questionados sobre o maior medo em relação ao diabetes, apenas 6% pontuaram “ter alguma doença renal”; 3%%, “ter alguma doença cardíaca”; e 21%, “morrer”. A maioria teme a amputação de algum membro (32%) e ficar cego (32%).³

– 18% dos pacientes não sabem o tipo de diabetes que têm e 39% declararam sofrer do tipo I — porcentagem superior à estimativa de prevalência da SBD, que é de 5% a 10%.³

– Mais de 1/4 dos entrevistados (28%) acreditam que o diabetes é uma doença exclusivamente de idosos, revelando desconhecimento sobre o fato de que ela pode acometer, inclusive, crianças e jovens.³

Fonte: SBD

 

Continue Reading

Pudim diet

Pudim diet! Cada pedaço só tem 40 calorias. E o sabor fica igual ao pudim tradicional 😉

pudim-diet
Ingredientes:

  • Um pacote de leite condensado em pó diet
  • 4 ovos
  • 2 xícaras e meia de leite desnatado

Calda:

Adoçante Tal e Qual para forno e fogão e um pouco de água.

Para a calda, só levar o adoçante na própria forma de pudim na boca do fogão e ir derretendo em fogo baixo. Acrescente um pouco de água para ajudar e encorpar e derreter o adoçante. Em seguida, bata o restante dos ingredientes no liquidificador e depois coloque na forma. Leve em banho-maria por 50 minutos no forno preaquecido. Delícia! E sem açúcar! 😉

Continue Reading

Bolo churros diet

BOLO CHURROS DIET ♡♡♡♡♡♡♡♡♡

Uma receitinha para adoçar seu domingo ♡♡♡♡

bolo-de-churros

Massa

  • 4 claras
  • 1 pitada de sal
  • 4 gemas
  • 1 xícara (chá) de adoçante a base de stevia
  • 1 colher de (sopa) de canela em pó
  • 1 xícara (chá) de leite desnatado morno
  • 3 colheres (sopa) de margarina light
  • 2 xícaras (chá) de farinha de trigo ( pode ser a integral) • 1 colher (sopa) de fermento em pó

♡♡♡♡♡♡♡♡♡

Modo de preparo:

Na batedeira, bata as claras e o sal em ponto de neve firme e reserve.

Bata as gemas, com o adoçante, a canela e o leite (que deve estar aquecido junto com a margarina para que derreta). Bata muito bem por 2 minutos. Acrescente a farinha de trigo e continue batendo por mais 1 minuto. Desligue. Acrescente delicadamente às claras em neve e por último, o fermento.

Leve para assar em forno a 180ºC por aproximadamente 30 minutos ou até que, ao enfiar um palito, este saia limpo.

♥♥♥♥♥♥♥♥♥

Cortei ao meio com muito cuidado, pois a massa é bem macia. E depois coloquei o doce de leite diet da Delakasa. Cada colher de sopa só tem 8g de carboidratos. E ficou uma delícia!!! A receita é da culinarista Silvana Costa. ♡♡♡♡♡♡♡♡

Continue Reading

Bolo de caneca de chocolate zero açúcar

Lanchinho lowcarb ♡♡

Fiz um bolo de chocolate na caneca e ficou maravilhoso!

bolo-de-caneca

Ingredientes:

  • 1 ovo
  • 1 colher de sopa de aveia
  • 1 colher de sopa de cacau em pó sem açúcar
  • 1 colher de sopa de adoçante para forno e fogão ( usei o Stevia da @lowcucar )
  • 1 colher de café de fermento
  • 1 banana prata amassada.

Mistura tudo e leva ao microondas por 2 minutos. Você pode colocar coco em flocos ou canela, como eu fiz. Para acompanhar, eu fiz um capuccino zero açúcar da @lineasucralose ♥♥♥

 

 

Continue Reading

Panqueca low carb salgada

panquecasalgada

 

Pessoal, uma dica de lanche lowcarb. Hoje fiz esse pãozinho no microondas e é super saboroso e fácil de fazer.

Ingredientes:

  • 1 ovo
  • 1 colher de sopa de aveia
  • 1 colher de sopa de requeijão light  Uma pitada de fermento.

Mistura tudo e leva ao microondas por 2 minutos.

Passei uma manteiga por cima e ficou uma delícia. Quem me passou a receita foi a @deboramedrado ♡♥♡♥

Continue Reading

Palestra sobre diabetes tipo 1 em São Gonçalo, RJ

Galera de São Gonçalo, fiquem ligados! Dia 12 de novembro vai ter uma palestra super legal sobre diabetes tipo 1, aí na região.

O evento é gratuito e vai contar com a presença da minha querida amiga Sheila Vasconcellos, que é DM1 há mais de 30 anos, da fofa da Enfermeira Ligia Figueiredo, que é educadora em diabetes e vai esclarecer as dúvidas sobre a doença e da psicóloga Keyla Ornellas, que vai trazer dicas e diálogos sobre como lidar com o diabetes no ambiente familiar e educacional.

Um evento pra toda família e para profissionais da saúde e educação

14680581_207468653018025_4146949064727294024_n-1

Continue Reading

Frango cremoso fit

Vocês já devem estar cansados de tanta receita doce aqui no blog, rs. Por isso, trouxe essa receita de frango cremoso maravilhosa da minha mãe, que também é DM2. Eu amo quando ela faz essa delícia para almoço ou janta. Espero que vocês gostem, também <3

20161031_200945

Ingredientes

  • +- 500g de peito de frango ou sobras de frango que você tiver na geladeira
  • +- 500ml de leite desnatado
  • 1 copo de requeijão light
  • 1 lata de milho verde
  • 1 colher de sopa cheia de farinha de trigo integral
  • 1 colher de sopa cheia de margarina light
  • 1/2 cebola média picada
  • 1 dente de alho
  • Molho inglês
  • Salsa e cebolinha
  • Sal à gosto
  • Pimenta do reino
  • 1 fio de óleo ou azeite
  • Noz moscada à gosto
  • Tomate-cereja (opcional)

Preparação do molho bechamel:

Derreta a manteiga com um fio de óleo ou azeite na panela. Em seguida, coloque para dourar a cebola picadinha. Quando a cebola ficar brilhante, acrescente a farinha de trigo e mexa bem até essa mistura ficar tipo um grude. Depois, vá acrescentando, aos poucos, o leite desnatado mexendo sem parar até engrossar. Por fim, adicione o requeijão e misture bem. Apague o fogo e coloque uma colher de café de noz moscada ralada. Reserve.

Preparação do frango:

Coloque o frango para cozinhar em uma panela com água, a quantidade deve ser o suficiente para cozinhar o frango. Coloque metade de uma cebola média, um dente de alho, uma folha de louro, uma pitada de pimenta do reino, uma colher de sopa de colorífico, uma colher de sopa de molho inglês, salsa, cebolinha e sal à gosto. Deixe cozinhar e depois escorra a água, espere esfriar um pouco e desfie o frango. Pode desfiar na mão ou em um processador.

Montagem do frango cremoso:

Pegue o frango desfiado e junte no molho bechamel. Acrescente uma lata de milho verde e queijo ralado (opcional). Unte um refratário e coloque uma camada desse creme. Em seguida, coloque queijo muçarela no meio, e depois finalize com o restante do creme. Salpique queijo ralado, acrescente tomates-cereja por cima e leve para gratinar no fogo médio. Quando estiver douradinho por cima, está pronto o frango cremoso. Fica uma delícia!

Obs: Você pode cozinhar o frango do jeito que preferir. Pode acrescentar outros tipos de queijo, ou fazer sem queijo. 😉

 

 

 

Continue Reading